Loading...

MENSAGEM

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

OBRIGADO AO HOMEM DO CAMPO.


Obrigado ao homem do campo Pelo leite o café e o pão Deus abençoe os fracos que fazem O suado cultivo do chão


Obrigado ao homem do campo Pela carne, o arroz e feijão Os legumes, verduras e frutas E as ervas do nosso sertão


Obrigado ao homem do campo Pela madeira da construção Pelo cacho de fios das roupas Que agasalham a nossa nação


Pelo cacho de fios das roupas Que agasalham a nossa nação Obrigado ao homem do campo O boiadeiro e o lavrador O patrão que dirige a fazenda O irmão que dirige o trator


Obrigado ao homem do campo O estudante e o professor A quem fecunda o solo cansado Recuperando o antigo valor


Obrigado ao homem do campo Do oeste, do norte e do sul Sertanejo da pele queimada Do sol que brilha no céu azul


Sertanejo da pele queimada Do sol que brilha no céu azul E obrigado ao homem do campo Que deu a vida pelo Brasil Seus atletas, heróis e soldados Que a santa terra já cobriu


Obrigado ao homem do campo Que ainda guarda com zelo a raiz Da cultura, da fé, dos costumes E valores do nosso país


Obrigado ao homem do campo Pela semeadura do chão E pela conservação do folclore Empunhando a viola na mão E pela conservação do folclore Empunhando a viola na mão.


DOM E RAVEL.